Todos os caminhos levam à China

Mercado chinês vence desconfianças e desponta como uma grande oportunidade para as importadoras brasileiras.

 

Durante muito tempo existiu um grande mito de que importar da China é um negócio totalmente arriscado, onde você compraria a preços bem abaixo do mercado, mas não tinha a menor garantia de que receberia o seu produto e também não tinha como avaliar a qualidade do produto que estava adquirindo.

Mas o tempo mostrou que tudo isso ficou pra trás. Hoje, é possível fazer negócios com o mercado asiático com segurança e garantia.

A China, desde 2009, é o maior exportador do mundo. De acordo com a Organização Mundial do Comércio (OMC), os chineses desbancaram grandes potências mundiais, como Alemanha e Estados Unidos.

E para que você tenha bons motivos para acreditar nesse novo mercado – nem tão novo –, separamos dez vantagens que colocam os asiáticos como potencial parceiro para o seu negócio. Tome nota.

 

1 – A China é dona de uma das melhores infraestruturas do mundo, o que possibilita uma produção de qualidade, de baixo custo e com tempo de entrega reduzido.

 

2 – A porcentagem de importações feitas pelo Brasil vindas da China tem crescido em níveis consideráveis nos últimos anos, o que mostra que a experiência tem sido altamente positiva, levando-se em consideração que se fosse algo prejudicial, não permaneceria e, muito menos, aumentaria com o passar dos anos.

 

3 – As relações comerciais entre Brasil e China tem se expandido a taxas bastante superiores às registradas pelas importações quanto pelas exportações globais brasileiros, o que confirma a sólida relação entre os dois países.

 

4 – As relações entre Brasil e China tiveram seu início em 1974, quando foram estabelecidas relações diplomáticas entre os países. Deste ano até os dias atuais, as importações de produtos chineses venceram o medo e o preconceito e se estabeleceram no mercado brasileiro.

 

5 – Nas importações brasileiras vindas da China, destacam-se os circuitos impressos para telefonia, informática e acessórios, geradores, motores e transformadores, dispositivos de cristal líquido, circuitos integrados, artigos esportivos, brinquedos, aparelhos receptores e transmissores, produtos laminados, eletromecânicos de uso doméstico, tecidos de malha, fertilizantes e adubos.

 

6 – Em números percentuais, os produtos manufaturados importados da China representam cerca de 90% das compras.

 

7 – Aquela velha história de que a China só exporta produtos baratos e de qualidade totalmente inferior não equivale à verdade. Atualmente os chineses se tornaram um dos grandes exportadores de produtos de alto valor agregado, como máquinas e equipamentos.

 

8 – A postura dos chineses em relação ao mercado brasileiro tem mostrado que a intenção é formar laços duradouros. As relações bilaterais entre Brasil e China não tendem a ser momentâneas; pelo contrário, a aproximação entre os países é sólida. A China tem mostrado ética e confiabilidade nas suas relações comerciais.

 

9 – Uma importante consequência resultante das relações entre Brasil e China será a expansão das riquezas produtivas, alto crescimento econômico e aumento efetivo da infraestrutura nacional.

 

10 – Em maio deste ano (2015), a presidente Dilma Rousseff firmou com a China uma série de acordos de cooperação entre os países, com cifras em torno de US$ 53 bilhões. O objetivo é promover investimentos em infraestrutura, energia, mineração, indústria manufatureira, logística e agricultura. Isso comprova ainda mais a seriedade e solidez das relações comerciais entre os dois países.

 

Fantástico, não é mesmo? Todavia, como bom negociador, você não vai sair de peito aberto importando tudo o que vem da China. É importante contratar uma empresa de comércio exterior que tenha grande experiência neste tipo de transação comercial.

Além disso, não abra mão de fazer regularmente testes de qualidade e também auditorias realizadas por empresas brasileiras na China. Sem falar que visitar o mercado chinês para ver de perto o que e com quem você está comercializando é uma ação que precisa ser considerada por você.

3 pensamentos em “Todos os caminhos levam à China”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *